|   -A     Padrão     A+   |  

Portal de Notícias
NOTÍCIAS:SS
JUIZ DE FORA - 27/10/2021 - 09:28



Laboratório Central é referência em diagnósticos e realiza mais de 110 mil exames por mês



Portal de Notícias PJF | Laboratório Central é referência em diagnósticos e realiza mais de 110 mil exames por mês | SS - 27/10/2021
Como forma de auxiliar no diagnóstico e dar rapidez aos resultados de exames da Rede Pública, a Secretaria de Saúde (SS) conta com uma ferramenta importante: o Laboratório Central da Prefeitura de Juiz de Fora (Lacen). O local, que fica no segundo andar da UBS de Vila Ideal, é referência no município para exames em hematologia, bioquímica, hormônios, urina, fezes e imunologia. Atualmente, são atendidos, em média, cerca de 550 pacientes por dia e realizados mais de 110 mil exames por mês.

Ações integradas entre promoção, prevenção, diagnóstico, tratamento e reabilitação, são as chaves para prover uma melhora na qualidade da saúde pública. Atuando com base nessas premissas, o Lacen atende a demanda de diversos estabelecimentos locais, através de exames solicitados pelas Unidades Básicas de Saúde (UBS); Departamento Internação Domiciliar (DID); Consultório de Rua; Banco de Leite; Serviço de Atendimento Especializado (SAE); Centro de Testagem e Aconselhamento (CTA); e também das amostras que são coletados na Loja 1 do PAM Marechal.

“Sabemos que a integração das ações de promoção à saúde são essenciais para a melhoria da qualidade da saúde, por isso trabalhamos cada dia para que possamos atender um número maior de pacientes, mas também garantir a qualidade dos exames que aqui são realizados”, conta a farmacêutica bioquímica e supervisora de análises clínicas do Lacen, Patricia Enham Lima.

Para atender com qualidade a demanda da Rede Pública, o Laboratório Central conta com uma estrutura automatizada e equipamentos de excelência. A supervisora da Unidade explica que, “em alguns setores como de urinálise, hematologia, bioquímica, hormônios e hemoglobina glicada, as análises são realizadas em aparelhos de ponta, onde seus resultados saem direto para o sistema de gestão do laboratório, garantindo uma maior rapidez e diminuição de erros quanto à digitação, por exemplo”. Além disso, como forma de acelerar o processo, a automatização permite que os resultados dos exames fiquem disponíveis on-line para a maioria das UBS.

“Os modelos dos equipamentos que usamos estão presentes em grandes laboratórios, de grandes centros, e alguns deles são únicos na cidade de Juiz de Fora”, conta Patrícia. Entre eles está um aparelho que utiliza a metodologia de química seca, ou seja, não utiliza água para realização dos exames. Segundo a supervisora, “isso permite uma menor interferência nos resultados e, principalmente, na quantidade de resíduos líquidos gerados, que são mínimos e não causam impacto ao meio ambiente”.

A importância do diagnóstico

A pandemia fez com que o número geral de diagnósticos caísse em todo Brasil. Segundo dados do Ministério da Saúde (MS), o ano de 2020 apresentou uma queda de 20% em relação a 2019, na quantidade de exames realizados no país. No âmbito municipal, também houve uma retração. Para Patrícia Lima, "estamos retornando de um período tenso no que tange à saúde e, só agora, os pacientes estão retornando para realização de exames de controle, tratamento e diagnóstico. Apesar de atendermos muita gente, nós temos capacidade de atender um número ainda maior por dia”.

Para além da importância da detecção da doença em estágios iniciais, que permite um prognóstico melhor, os diagnósticos realizados pelo Lacen se transformam em levantamentos estatísticos, “que permitem avaliar como anda a saúde de nossos usuários por regiões e trabalhar ações de prevenção nos locais que forem mais necessários”.

O Laboratório Central da Prefeitura de Juiz de Fora possui um controle de qualidade interno e externo (com avaliação Excelente) que garante a confiança nos resultados.




 IMPRIMIR 
8/12/2021 - SS
Secretária de Saúde realiza live sobre o Dezembro Vermelho
8/12/2021 - FUNALFA
Programa Gente em Primeiro Lugar apresenta audição de violino
8/12/2021 - DEMLURB
Demlurb intensifica coleta conteinerizada na região Central da cidade
8/12/2021 - SS
Secretária de Saúde homenageia líder comunitária na UBS Vale Verde
8/12/2021 - SEDH
PJF e Alto Comissariado das Nações Unidas discutem Políticas para a População Migrante
8/12/2021 - SESMAUR
PJF realiza 2ª edição do “Domingo no Parque” e lança participação na campanha JF Solidária
8/12/2021 - PROCON
Pesquisa relaciona disposição de produtos em supermercados e decisão de compra de consumidores
8/12/2021 - SRH
“Nossas vidas importam”: Palestra on-line para servidores aborda violência contra a mulher negra
8/12/2021 - SO
Programa Boniteza opera em 114 intervenções em todas as regiões
7/12/2021 - SS
Farmácia Central realiza evento que integra o “Dezembro Vermelho”
7/12/2021 - SS
Mais de 60 mil animais são vacinados contra a raiva em Juiz de Fora
7/12/2021 - SS
Confira o calendário de vacinação contra Covid-19 nesta quarta-feira, 8
7/12/2021 - SESUC
Secretária de Segurança faz chamada geral com a Guarda Municipal
7/12/2021 - SESUC
Prefeitura tem canal de denúncias para furtos em imóveis públicos
7/12/2021 - SMU
Rua Benjamin Constant passa a ser mão única a partir de quinta-feira, 9
7/12/2021 - SESMAUR
PJF segue com processo de formalização do comércio popular de rua e promove capacitação
7/12/2021 - SS
Pessoas com Síndrome de Down, paralisia cerebral e autistas podem ser vacinadas contra Covid-19 na Alae
7/12/2021 - FUNALFA
Funalfa promove debate sobre violência contra mulher LGBTQIA+
7/12/2021 - SEDH
PJF assina decreto que institui Política Municipal para a População Migrante
7/12/2021 - SG
“Árvore da Esperança”, no São Bernardo, recebe decoração de Natal produzida por artesãs acauteladas
Prefeitura de Juiz de Fora
Av. Brasil, 2001 | Centro - Juiz de Fora/MG - CEP: 36060-010
Todos os direitos reservados. Copyright © 2021 - Site versão 3.2