Portal de Notícias
NOTÍCIAS: SS
JUIZ DE FORA - 19/5/2017 - 16:12



“Dia Nacional de Doação de Leite Humano” é comemorado nesta sexta



O ato de doar leite materno é gesto de carinho e atenção aos recém-nascidos, e é dentro desta filosofia que o Banco de Leite Humano da Secretaria de Saúde (SS) busca conscientizar as mães sobre os benefícios que traz, tanto para a doadora quanto para o bebê. Nesta sexta-feira, 19, “Dia Nacional de Doação de Leite Humano”, o serviço faz um apelo às mães, já que o número de doadoras, atualmente, é de 25, metade da média de cadastradas em períodos de alta.

Em 2016, o banco contou com 704 doadoras, o que proporcionou a 511 crianças o aleitamento. Segundo sua coordenadora, Bernadete Monteiro, é necessário que haja percepção das mães sobre a importância do ato de doar: “É um momento especial de sensibilização da sociedade, assim como iniciativa a mais para promoção do aleitamento materno. Reflexo deste trabalho é o aumento do número de doadoras, que somente até abril deste ano já contou com 245 doações e 204 crianças atendidas”.

Para Alessandra Valéria Ferreira, uma das doadoras do banco de leite, é importante ajudar outras crianças que necessitam: “O meu leite é mais que suficiente para sustentar meu filho. Então, ao invés de desperdiçar o excedente, faço a doação. Assim, posso ajudar as crianças que estão em hospitais e outras mães”.

De acordo com Bernadete, cada litro de leite materno pode alimentar até dez recém-nascidos por dia, internados em unidades de terapia intensiva (UTIs): “Quem produz grande quantidade de leite materno, é saudável, não está utilizando remédio que impeça a doação e se disponha a ordenhar e doar o conteúdo excedente, está capacitada a oferecer para o Banco de Leite”.

A pediatra do Departamento de Saúde da Criança e do Adolescente (DSCA), Márcia Mizrahy, explicou que o aleitamento materno nos seis primeiros meses de vida previne uma série de enfermidades graves para o bebê e a mãe: “O leite fortalece o sistema imunológico e evita infecções, doenças respiratórias, gástricas, intestinais e alérgicas, além de prevenir, no futuro, diabetes, hipertensão e obesidade. Outro fator importante é o reforço no desenvolvimento do bebê e o aumento do coeficiente intelectual.

Já para a mãe que amamenta no mínimo oito meses o risco de desenvolver câncer de mama e ovário é reduzido”. Após os seis meses de amamentação, o ideal é que a criança passe a ingerir alimentos saudáveis, orientada pelo médico, até em torno dos dois anos de vida.

Doações

As interessadas em doar devem entrar em contato com o banco pelo telefone 3690-7436, levando xerox do cartão do pré-natal, seguindo o processo descrito na cartilha entregue no momento da solicitação. É aconselhado retirar o leite logo após o bebê amamentar ou quando as glândulas mamárias estiverem muito cheias, buscando lugar tranquilo e limpo, lavando as mãos e os braços com água e sabão. Se possível, deve-se cobrir os cabelos com uma touca ou lenço. Caso haja alguma dificuldade, uma equipe estará disponível para auxiliar na coleta do material. O banco de leite está localizado no DSCA, na Rua São Sebastião, 772, Centro.


Premiações

O banco de leite recebeu nos últimos quatro anos o “Certificado de Excelência” do Programa Iberoamericano de Bancos de Leite Humano, contemplado com o certificado na categoria “Ouro”, a de maior destaque. A iniciativa faz parte de ação integrada da Coordenação Geral de Saúde da Criança e Aleitamento Materno do Ministério da Saúde, desenvolvida pela Fundação Oswaldo Cruz, sob a coordenação do Centro de Referência Nacional de Rede Brasileira de Banco de Leite Humano (CRNBLH).

Os critérios para avaliação levam em consideração as condições de trabalho, recursos, qualificação profissional, equipamentos, itens indispensáveis e manutenção dos dados mensais de produção.



* Informações com a Assessoria de Comunicação da Secretaria de Saúde pelos telefones: 3690-7389 / 3690-7123.



 IMPRIMIR 
21/7/2017 - CESAMA
Rua Silva Jardim recebe 60 metros de novas redes de água da Cesama
21/7/2017 - SDS
Sancionada a lei do “Dia Municipal do Conselheiro Tutelar”
21/7/2017 - SCS
Mais uma edição do “Bem Comum Bairros” acontece nesse sábado
21/7/2017 - PROCON
Cobrar preços diferentes para homens e mulheres é ilegal
21/7/2017 - SEL
Atletas terão sete quilômetros de surpresas e tradição na “70ª Corrida da Fogueira”
21/7/2017 - MAPRO
Crianças "caçam" tesouros e participam de contação de histórias no Museu
21/7/2017 - SETTRA
PJF lança aplicativo “Cittamobi Acessibilidade” ampliando utilização para deficientes visuais
21/7/2017 - SARH
Escola de Governo abre inscrições para novas turmas de inglês e informática
21/7/2017 - SS
Saúde alerta para aumento de casos de infarto no inverno em cerca de 30%
21/7/2017 - FUNALFA
Arraiá do “Núcleo Travessia” é neste sábado
21/7/2017 - CESAMA
Cesama inicia implantação de 200 metros de redes de água na Rua Santo Antônio
21/7/2017 - FUNALFA
“Meleka de Jacaré” conta a história dos estados brasileiros no Museu Ferroviário
20/7/2017 - VICE-PREFEITO
Juiz de Fora recebe Zico como “Cidadão Honorário”
20/7/2017 - SAA
SAA recebe empresários canadenses para troca de experiências e informações
20/7/2017 - SS
Código Sanitário Municipal será sancionado na próxima segunda-feira
20/7/2017 - SAA
Custo da cesta básica regional teve aumento de R$ 3,84
20/7/2017 - SAA
“Guia do Consumidor” - Cebola e presunto têm as maiores variações de preços
20/7/2017 - SAA
Tomate tem aumento de 25,98%
20/7/2017 - SS
Engajamento no projeto “Aedes do Bem” começa com treino de agentes e líderes comunitários
20/7/2017 - SEDETTUR
"Seu Emprego JF" oferece seis novas oportunidades nesta quinta-feira
Prefeitura de Juiz de Fora
Av. Brasil, 2001 | 6° andar - Centro - Juiz de Fora/MG - CEP: 36060-010
Todos os direitos reservados. Copyright © 2016 - Site versão 3.0